domingo, 19 de julho de 2015

Conferência Municipal de Saúde do Rio tem nível recorde de participação

Mais de 2 mil pessoas participaram neste fim de semana da 12ª Conferência Municipal de Saúde do Rio de Janeiro, que será encerrada às 18h deste domingo (19), no Centro de Convenções Sulamérica, na Cidade Nova, zona central da cidade. O evento é preparatório para a 15ª Conferência Nacional de Saúde, que ocorre a cada quatro anos e será realizada de 1º a 4 de dezembro, em Brasília, tendo como tema Saúde Pública de Qualidade para Cuidar Bem das Pessoas: Direito do Povo Brasileiro.

Por ter sido a conferência com maior número de participantes, entre todas realizadas pelo município do Rio, o evento deste ano alcançou uma marca importante no processo de consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS) na cidade. O nível de participação dos usuários do sistema no encontro foi de 50%, ficando a metade restante dividida entre gestores e profissionais de saúde.

Mobilizados a partir de dez plenárias distritais, que tiveram como foco principal o modelo de acesso e o controle social do SUS, os participantes se reuniram desde sexta-feira (17) para ampliar o debate e eleger 200 delegados para a etapa estadual das discussões, de 1º a 4 de outubro, também no Rio de Janeiro.

“Essa construção coletiva gera uma série de deliberações e encaminhamentos para os gestores municipais, estaduais e federais poderem seguir. Talvez seja um dos momentos mais importantes para o Sistema Único de Saúde na cidade, nos próximos quatro anos”, disse o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, ao comemorar o alto índice de mobilização para o evento. “A participação popular é fundamental no desenvolvimento de um SUS melhor, com maior transparência”, destacou.

De acordo com dados do Conselho Municipal de Saúde, nos últimos três anos o Rio de Janeiro ampliou, de maneira expressiva, o número de unidades de saúde e a oferta de serviços. Hoje são 70 novas clínicas da família, 14 unidades de pronto atendimento (UPAs), cinco coordenações de Emergência Regionais (CERs) e 72 unidades reformadas.

O aumento da cobertura do programa Saúde da Família foi um dos encaminhamentos aprovados na conferência municipal. “A gente espera poder cumprir a meta de 70% de cobertura até 2016 e avançar com ela posteriormente. Hoje temos 55% de cobertura”, estimou o secretário Daniel Soranz.

Maior evento do país na área da saúde, a conferência nacional, em dezembro, será coordenada pelo Ministério da Saúde e pelo Conselho Nacional de Saúde (CNS). A previsão é de que até lá 2 milhões de pessoas em todo o Brasil sejam mobilizadas nas plenárias regionais, na plenária nacional e nas conferências municipais e estaduais.


Veja mais fotos aqui


*Colaborou Tâmara Freire - Repórter do Radiojornalismo/EBC

Fonte: EBC


sexta-feira, 17 de julho de 2015

Conferência municipal discute saúde pública de qualidade na cidade do Rio

A XII Conferência Municipal de Saúde do Rio de Janeiro começa hoje e se estende até domingo, dia 19, com o tema "Orgulho de ser SUS – Saúde pública de qualidade na cidade", no Centro de Convenções SulAmérica, na Cidade Nova. A conferência, organizada pelo Conselho Municipal de Saúde e realizada pela Secretaria Municipal de Saúde, proporciona um espaço democrático para o debate e a decisão de propostas para melhorar a excelência dos serviços do Sistema Único de Saúde (SUS). A sociedade civil está convidada para continuar mobilizada pelos desafios atuais para o sistema único de saúde brasileiro, participando das conferências de saúde de 2015.

Veja mais fotos aqui 

Na oitava Conferência Nacional de Saúde, em 1986, foi colocada em discussão a insatisfação popular com o sistema de saúde no país. Já naquela época, houve uma grande mobilização popular e teve início a transformação para que a saúde fosse garantida constitucionalmente em 1988, passando a ser um direito de todos os cidadãos, com a criação do atual SUS.

O controle social também foi garantido e a Constituição de 88 reforçou a importância nas leis orgânicas da saúde, com a criação dos conselhos e das conferências de saúde. Graças à mobilização em todo território nacional, a sociedade pode definir o modelo de acesso à saúde.


Confira a programação abaixo:

17 de Julho (sexta-feira)

8h-14h: Credenciamento
8h-9h: Café da Manhã
9h-10h: Leitura e aprovação do Regulamento
10h-10h30: Mesa de Abertura
10h30-12h: Conferência de Abertura
12h-14h: Almoço
14h-18h: Grupos de Trabalho
15h-17h: Credenciamento dos Observadores

18 de Julho (sábado)

8h-9h: Café da Manhã
9h-12h: Grupos de Trabalho
12h-14h: Almoço
14h: Retorno aos Grupos de Trabalho (Até as 16h entrega dos relatórios dos grupos)
16h: Lanche
16h-19h: Consolidação do Relatório Final (Subcomissão Relatoria)

19 de Julho (domingo)

8h-9h: Café da Manhã
9h-12h: Plenária Final
12h-14h: Almoço
14h: Eleição dos Delegados para Conferência Estadual de Saúde do Rio de Janeiro e Eleição do Conselho Municipal de Saúde
16h: Lanche
18h: Encerramento

Fonte: SMS RJ 

sexta-feira, 26 de junho de 2015

Convite: Exposição Sentidos do Nascer

A Prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, convida para a exposição Sentidos do Nascer que acontecerá 7 a 26 de Julho na Praça Tiradentes.

 De segunda-feira a sábado: das 10h às 18h 

ENTRADA FRANCA

A exposição Sentidos do Nascer pretende contribuir para a mudança da percepção sobre o nascimento, incentivando a valorização do parto normal para a redução da cesariana desnecessária.

A Sentidos do Nascer é uma iniciativa que propõe ampliar o debate sobre questões relacionadas ao nascimento no Brasil. 

Lançamos um olhar crítico ao cenário da hipermedicalização do parto, da perda do protagonismo da mulher e da exploração do parto como um negócio.

Queremos mostrar ao público outra experiência do nascimento e desmistificar percepções sustentadas pelo senso comum, reverter práticas inadequadas de violência obsté
trica.

A nossa causa é mais que social. É um incentivo para que aconteça uma mudança cultural que garanta o bem-estar e os direitos da mulher e da criança no momento do parto e nascimento. É o desejo que um bom começo se estenda pela vida.

Sentidos do Nascer é um projeto financiado pelo CNPq, Ministério da Saúde e Fundação Bill & Mellinda Gates, que conjuga arte, ciência e tecnologia. Utiliza metodologias de pesquisa-ação para promover transformações nas representações sociais sobre o parto e nascimento e para analisar as implicações da exposição na percepção dos visitantes.

quinta-feira, 28 de maio de 2015

A LEI ANTIFUMO AGORA É NACIONAL

ACT+ e Fundação do Câncer lançam campanha sobre lei antifumo nacional

A Aliança de Controle do Tabagismo e Saúde – ACT+ e a Fundação do Câncer lançam, a partir da próxima semana, uma campanha sobre a regulamentação da lei antifumo nacional, em mídias sociais, desenvolvida pela agência Havas Worldwide Rio, parceira das instituições.

Apesar de a lei ter sido sancionada em 2011, o texto de sua regulamentação só foi apresentado este ano, com prazo para entrar em vigor em 3 de dezembro.

A partir desta data, será proibido fumar em ambientes fechados, públicos ou privados, de todo o país, e não somente nos estados e municípios, como por exemplo São Paulo, que já tem essa proibição em vigor desde 2009. Os principais benefícios da lei é a proteção da saúde da população, tanto de fumantes e não fumantes, o incentivo a fumantes a parar de fumar e a prevenção da iniciação de jovens, uma vez que diminui a aceitação social do cigarro.

sexta-feira, 22 de maio de 2015

No Dia do Desafio a busca pela vida saudável

A Superintendência de Promoção da Saúde por meio da Coordenação de Práticas em Saúde / Assessoria de Atividade Física (ASSAF) convida as CAPs e todas as suas Unidades de Saúde para participarem do Dia do Desafio em parceria com o SESC que acontecerá no dia 27/05 (quarta feira). 

O objetivo é mobilizar e incentivar o maior número de participantes em torno da ideia de praticar pelo menos 15 minutos consecutivos de qualquer atividade física a fim de propor uma mudança simples nos hábitos de vida. Essa ação faz parte do planejamento da ASSAF de 2015 para o Programa Academia Carioca.

Mas, para que sua participação fique registrada e você possa ajudar sua cidade na disputa, é necessário tirar uma foto ou gravar um vídeo com um trecho do exercício realizado e postá-lo em sua rede social (Twitter, Instagram ou facebook) com a hashtag #DiadoDesafioRio #CAP21presente #SaúdePresente #OrgulhoSUS

Solicitamos a indispensável parceria das CAPs para que divulguem nas Unidades, com objetivo que TODAS possam participar desse dia que é comemorado no mundo inteiro! 

Sugerimos que as atividades já desenvolvidas nas Unidades sejam direcionadas para essa ação.

REGISTRO DE PARTICIPAÇÕES:
Todas as Unidades devem registrar o nº total de pessoas envolvidas nas atividades, assim como as fotos enviando diretamente para o email: noeli.salgado@sescrio.org.br com cópia para eventos.cap21@gmail.com   até às 18 horas do mesmo dia (27/05/2014).

Saiba mais aqui só o dia do desafio http://sescrio.org.br/diadodesafio

Contamos com a participação de TODOS! 

segunda-feira, 4 de maio de 2015

Profissionais de saúde podem se inscrever para encontro sobre pé diabético

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS), por meio da Coordenadoria Geral de Atenção Primária da Área Programática AP 2.1, que engloba os bairros da Zona Sul, promove, dia 19 de maio, o 1º Encontro de Cuidados ao Pé de Risco e Curativos. O evento, voltado para todos os profissionais e parceiros da saúde, tem inscrições abertas até a quarta - feira, dia 13.

A programação contará com a participação de diferentes profissionais da área da saúde, como enfermeiros, terapeutas ocupacionais, podólogos e profissionais da Educação Física. No encontro, será abordada a importância dos cuidados com o pé diabético. Ao final do evento, os palestrantes deverão esclarecer dúvidas e promover a discussão sobre o tema.

A atividade faz parte da comemoração da Semana de Enfermagem, que é celebrada entre os dias 12 e 20 de maio e acontecerá no Instituto de Nutrição Anne Dias – INAD, localizado na Avenida Pasteur 44, em Botafogo. A organização do evento ressalta que o número de inscritos está sujeito à lotação do espaço. Os interessados em participar devem enviar seu pedido para o email: dcnt.cap21@gmail.com.

Campanha nacional de vacinação contra gripe começa nesta segunda

Começa nesta segunda-feira (4) a campanha nacional de vacinação contra a gripe, com a distribuição de 54 milhões de doses para os chamados “grupos prioritários”. Segundo o Ministério da Saúde, foram investidos R$ 487 milhões na ação, que segue até 22 de maio.

Fazem parte do grupo vulnerável as crianças de 6 meses a menores de 5 anos, doentes crônicos, idosos com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde, povos indígenas, gestantes, mulheres com até 45 dias após o parto, presos e funcionários do sistema prisional, além da população indígena.

A meta deste ano é imunizar 49 milhões de pessoas. Em 2014, 44,3 milhões receberam a vacina, o equivalente a 86,7% do total previsto pelo ministério.

A dose, via injeção, protege contra os subtipos do vírus influenza: H1N1, H3N2 e B. O dia “D” da campanha, dia nacional de mobilização, será em 9 de maio.

Em 2015 não houve a inclusão de um novo grupo prioritário. No entanto, Carla Domingues, coordenadora do programa nacional de imunização, disse que é preciso fortalecer a participação das gestantes, que têm maior risco de complicação caso contraiam a gripe. Segundo ela, com a vacinação da grávida, ocorre a imunização passiva do bebê, que passa a ser protegido até os seis meses de idade, quando a criança receberá a dose.


De acordo com o governo, 1.794 pessoas foram internadas no ano passado em decorrência de complicações da gripe e 326 morreram. A cepa H1N1 foi a que provocou o maior número de óbitos (163), seguido do H3N2 (105).

De acordo com o ministério, o medicamento é contraindicado a pessoas com histórico de reação anafilática em doses anteriores e a quem tem algum tipo de alergia grave à proteína do ovo, uma vez que a dose é produzida em embriões de galinha.

Fonte: Bem Estar

quinta-feira, 30 de abril de 2015

Secretaria lança edital para jovens promotores da saúde

Prevenir doenças, orientar a população e contribuir com a promoção da saúde na própria comunidade. São esses os principais papéis dos jovens promotores da Saúde (RAP da Saúde) da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Se você tem vontade de participar ativamente na melhoria da cidade, fique ligado: a SMS lança nesta segunda-feira, 4 de maio, o edital para o Curso de Formação de Jovens Promotores da Saúde, que visa estimular o protagonismo juvenil na cidade e a educação entre pares sobre os temas da saúde. O prazo para inscrições vai até 12 de maio.

Dedicado ao público de 14 a 24 anos, o curso oferece 160 vagas para multiplicadores e 30 vagas para dinamizadores (com experiência em protagonismo juvenil), com bolsas que variam entre R$300,00 e R$400,00, além de vale transporte.

Durante o curso os jovens aprenderão conceitos de saúde, educação, cultura e lazer, assistência social e direitos humanos. O período de formação será de 01/07/2015 a 30/06/2016.

Clique aqui e confira o regulamento

segunda-feira, 27 de abril de 2015

Vigilância Sanitária realiza Semana da Saúde do Trabalhador

A Subsecretaria de Vigilância, Fiscalização Sanitária e Controle de Zoonoses (Subvisa) inicia a Semana do Trabalhador, nesta segunda-feira (27/04), às 14h, no auditório da Prefeitura do Rio, no Centro Administrativo São Sebastião (CASS), na Cidade Nova, com um seminário e painéis sobre a atual situação e o futuro da Saúde do Trabalhador no município do Rio de Janeiro. Durante quatro dias serão realizadas palestras, debates e diversas ações com foco na saúde do trabalhador, destacando a prevenção de riscos de acidentes de trabalho. 


Ainda nesta segunda-feira, no primeiro dia, será lançado o selo "Empresa Saudável – Aqui a saúde do trabalhador é nota 10", que vai ser afixado em estabelecimentos que seguem à risca o que é determinado pela legislação, para evitar riscos à saúde do trabalhador. Na terça-feira (28/04), profissionais da Vigilância Sanitária do Rio vão lembrar o Dia Internacional em Memória às Vítimas de Acidentes de Trabalho, através de uma ação educativa em lojas de materiais de construção da cidade, onde técnicos do órgão vão passar orientações aos comerciantes sobre as responsabilidades civis, criminais, trabalhistas e ambientais nesse setor.


Neste mesmo dia, técnicos da capital irão à cidade de Cabo Frio promover um seminário sobre saúde do trabalhador, em parceria com o Centro de Referência em Saúde do Trabalhador – Cerest – da cidade. 


Na quarta-feira (29/04), serão inaugurados dois programas de Saúde do Trabalhador nos bairros de Bangu e Botafogo, que terão o objetivo de prevenir e diminuir riscos e doenças relacionadas ao ambiente de trabalho nas regiões Sul e Oeste da cidade.


No encerramento, no dia 30/04, haverá uma mesa para debater o cenário nacional da Saúde do Trabalhador, com presença de especialistas do Brasil e internacionais nesta área.


Informações sobre os locais e horários do evento, e sobre a Vigilância Sanitária e a Saúde do Trabalhador, podem ser conferidas no site www.rio.rj.gov.br/web/vigilanciasanitaria.

sexta-feira, 24 de abril de 2015

Prefeitura inicia Campanha de Vacinação contra a Gripe

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) inicia na próxima segunda-feira, dia 4 de maio, a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe para idosos, gestantes, crianças de seis meses a 4 anos, mulheres no período de até 45 dias após o parto, indígenas, presos, doentes crônicos, profissionais de saúde e funcionários do sistema prisional. A meta é vacinar 80% da população alvo, o que representa cerca de 1,2 milhão de pessoas.

O principal objetivo da campanha é reduzir a mortalidade, as complicações e as internações decorrentes das infecções pelo vírus da influenza. Sobre a eficácia da vacina, alguns estudos demonstraram que a vacinação pode reduzir de 32% a 45% o número de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% o da mortalidade global.

A vacina, que protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no inverno passado (H1N1; H3N2 e influenza B), estará disponível em mais de 200 salas de vacinação nas unidades de Atenção Primária em todas as regiões da cidade. As unidades funcionarão de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. É importante levar a Caderneta de Vacinação ou algum comprovante de situação vacinal ao procurar a unidade de saúde. O Dia de Mobilização Nacional contra a Gripe acontecerá no sábado, dia 9 de maio, quando serão montados mais de 400 pontos de vacinação avançados em igrejas, centros comunitários, entre outros locais.

O imunizante, produzido pelo Instituto Butantan e pela Sanoti Pasteur, é constituído por vírus inativados, por isso não causa a doença. Pessoas febris, portadores de doenças neurológicas, com história de alergia grave relacionada a ovo e reação a doses anteriores devem consultar um médico antes de tomar a vacina.

As crianças de seis meses a 4 anos de idade precisarão tomar duas doses da vacina, sendo a segunda administrada nos postos de saúde 30 dias após a primeira. Para os portadores de doenças crônicas é necessária a apresentação de prescrição médica com a indicação do imunizante. Mulheres no pós-parto devem apresentar algum documento que comprove terem dado à luz no período previsto pela campanha.

A transmissão dos vírus influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz).
Por isso, cuidados simples como lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar; evitar tocar o rosto e não compartilhar objetos de uso pessoal são, no geral, medidas simples que ajudam a prevenir a doença. Em caso de síndrome gripal, a orientação da SMS, mesmo para as pessoas já vacinadas, é procurar um serviço de saúde.

Fonte: SMS

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...