segunda-feira, 13 de abril de 2015

SMS promove aula de boas vindas para quarta turma de residentes

O clima de expectativa e entusiasmo imperou na aula de boas vindas aos novos residentes do Programa de Residência de Medicina em Família e Comunidade da SMS. 

O encontro aconteceu na última quarta-feira, dia 8, no auditório do Centro Administrativo São Sebastião e teve a participação do secretário municipal de Saúde Daniel Soranz. 

O secretário apresentou a estrutura da secretaria e os programas de saúde, além dos resultados da gestão desde 2009. 

Segundo ele, a entrada dos residentes irá auxiliar na expansão da Atenção Primária no Rio. “Quero desejar boas vindas a todos os novos residentes e disponibilizar toda a estrutura da instituição para o desenvolvimento profissional de cada um. 

Desde 2009, estamos ampliando a cobertura de Saúde da Família no município, atualmente já cobrimos 47,9% ou seja, mais de três milhões de cariocas utilizam os serviços da SMS”, disse. Criado em 2011, o programa de residência em Medicina da Família e Comunidade da SMS é o maior em residência em Saúde da Família do País. 

Desde 2012, o programa já ofereceu 320 vagas para residentes de todo país. 
Em 2015, 100 vagas já foram disponibilizadas. A quarta turma de residência terá a participação do casal Josymar Nascimento, 25 anos, e Susyana Lima de Oliveira, 26. Vindos do Ceará, o casal se mudou para o Rio após ser aprovado para participar da residência. 

Para Josymar, a estrutura municipal de saúde do Rio e a excelente bolsa oferecida foram fundamentais na decisão. “O Rio é modelo no País pela larga expansão da Atenção Primária nos últimos anos, além da boa remuneração oferecida pelo programa”. 

Recém-formada pela Universidade Federal do Ceará, Susyana vai participar do programa para complementar o conhecimento acadêmico e ter a oportunidade de ampliar o vínculo entre mé- dicos e pacientes. “Senti a necessidade de complementar o conhecimento. 

O programa de residência do Rio foi com o qual me identifiquei, pois possui uma formação na medicina da família mais humanizada”, disse Susyane. 

De acordo com o Superintendente de Atenção Primária, Guilherme Wagner, o programa de residência no Rio faz com que o município seja exemplo de formação médica do País. “Essa foi mais uma ação coerente da SMS, visando fortalecer o SUS do Rio de Janeiro”, disse. “A ideia é aumentar o número de vagas para o programa em 2016, passando de 100 para 130 vagas para candidatos de todo país”, garantiu.

Fonte: SMS RJ

SMS inicia as obras de novas Clínicas da Família

Mais de 90 mil cariocas na Maré, Cidade de Deus e em Rio das Pedras serão beneficiados com as três novas Clínicas da Família que tiveram suas obras iniciadas nas regiões. O lançamento das obras das unidades ocorreu nos dias 8 e 10 de abril e contou com a presença do prefeito Eduardo Paes e do secretário municipal de Saúde Daniel Soranz.

A unidade da Maré terá dez equipes de Saúde da Família e quatro de saúde bucal, beneficiando cerca de 30 mil moradores das comunidades de Vila do Pinheiro, Conjunto do Pinheiro e Salsa e Merengue. O prefeito reforçou a importância da Clínica da Família na prevenção de doenças.

“Tínhamos esse compromisso com os moradores da região, de oferecer serviços de qualidade.
Além desta unidade, outra Clínica da Família já está licitada, com recursos para contratar. As obras serão iniciadas tão logo a gente defina o local. São unidades que vão permitir qualidade no atendimento. Costumo dizer que atenção básica não é para cuidar de doenças, mas evitar que as pessoas fiquem doentes”, afirmou o prefeito Eduardo Paes.

Já as unidades de Jacarepaguá terão, juntas, 21 equipes de saúde da família e oito de saúde bucal, beneficiando 63 mil moradores. A CF da Cidade de Deus será na Rua Quintanilha, enquanto a de Rio das Pedras será na Rua Velha, nº 4. O secretário de Saúde afirmou que as unidades terão grande papel na estrutura de saúde da região devido ao grande crescimento da área.

“A região cresceu demais e precisava ter unidades como essas para atender com qualidade a demanda de moradores. Assim que ficarem prontas, vamos oferecer um atendimento que faça a diferença na vida das pessoas para que possam viver mais e melhor”, completou o secretário municipal de Saúde Daniel Soranz.

As Clínicas da Família fazem parte de um projeto pioneiro e inovador que permitiu a revolução histórica no setor de saúde da cidade. Hoje, o Rio conta com 74 clínicas da família inauguradas desde 2009. A meta da Prefeitura é inaugurar, este ano, 15 unidades, de um total de 66 até o fim de 2016, alcançando uma cobertura de 70% da população pelo Saúde da Família. Em 2008, o Rio era a capital com pior cobertura de saúde do país com apenas 3,5% dos cariocas atendidos pela estratégia. Atualmente, já são 47,9% de cobertura da população, o que representa mais de 3 milhões de pessoas beneficiadas.

Fonte: SMS RJ

terça-feira, 31 de março de 2015

Caderneta da gestante já está disponível para uso e sugestões


A Caderneta da Gestante é um instrumento fundamental para o registro das informações de acompanhamento da gestação e deve ser parte essencial do processo de trabalho dos profissionais de saúde, sendo utilizada em todas as consultas do pré-natal.

As informações inseridas na caderneta podem apoiar o profissional no diálogo com a gestante e nas ações de educação em saúde, e ajudam a gestante a esclarecer dúvidas, se preparar para o parto e a amamentação, conhecer seus direitos, os sinais de alerta, entre outros.

Com o objetivo de avaliar e qualificar as informações presentes na Caderneta da Gestante, bem como auxiliar no processo de trabalho dos profissionais de saúde, o Ministério da Saúde solicita aos profissionais, usuários e gestores do SUS que registrem suas dúvidas, sugestões e impressões relacionadas à nova Caderneta da Gestante em um formulário próprio. Para colaborar, acesse o formulário aqui

Sua participação é essencial para qualificar a atenção e o cuidado pré-natal e garantir que as gestantes tenham acesso a informações adequadas para vivenciarem uma gravidez e um parto saudáveis.

A nova Caderneta da Gestante está disponível em pdf

Para visualizar a Ficha Perinatal, acesse aqui.



Fonte: DAB

quarta-feira, 18 de março de 2015

21 DE MARÇO: DIA DO ORGULHO SUS

No sábado, dia 21 de março, será comemorado o primeiro dia do Orgulho SUS! Uma data para marcar o compromisso de cada um para tornar a saúde pública ainda melhor, com comprometimento de todos. Qual o seu compromisso para melhorar o SUS?

Pequenas ações, juntas, fazem uma grande diferença no dia a dia de quem trabalha e/ou é usuário do SUS, além de trazer inspiração para outras pessoas.

É fácil participar da campanha no Instagram, Facebook, Twittter e blogger basta seguir os 3 passos:

1 - Pense no que você pode fazer para melhorar o SUS. Vale tudo! Ações simples podem fazer a diferença.
2 - Desenhe a marca do #orgulhosus, escrevendo, no lugar do sorriso, o seu compromisso.
3 - Poste no instagram com a hastag #orgulhosus
4 - Agora, comece a agir!


OrgulhoSUS. Compromissos para um SUS melhor.


PERGUNTAS FREQUENTES:

1. O que é o Dia do Orgulho SUS?

Dia de Orgulho SUS é um movimento que convoca as pessoas que trabalham e/ou são usuárias do Sistema Único de Saúde para melhorar o SUS e compartilhar o que têm feito para inspirar os outros.

Este movimento faz parte de uma ação global em prol de sistemas de saúde melhores. Muitos países aderiram ao movimento iniciado na Inglaterra e posteriormente na Irlanda; Escócia, Países Baixos; Dinamarca; Suécia; Finlândia; Índia, Jordânia; Arábia Saudita; Nova Zelândia, Austrália e, agora, Brasil.

Dia do Orgulho SUS é a nossa oportunidade de nos reunir e aproveitar coletivamente nossas ideias. Juntas, cada uma de nossas pequenas ações vai fazer uma grande diferença na melhoria do cuidado e bem-estar das pessoas que usam o SUS. Qual é o seu compromisso?

2. Qualquer pessoa pode se envolver?
Sim, qualquer um pode se envolver: profissionais que atuam no SUS, usuários, organizações sem fins lucrativos, imprensa etc.

3. Como faço para participar?
É simples. Pense no que você quer fazer e faça!

4. Como posso obter envolver minha organização?
Espalhe a campanha. Diga a todos sobre o Dia do Orgulho SUS, e incentive o envolvimento de todos. Há muitas dicas de como ajudar a melhorar o SUS e compartilhar as mensagens em suas unidades de saúde. Saiba mais no site da SMS (http://www.rio.rj.gov.br/web/sms/pagina-inicial-sms)

5. Como faço para registrar minha ação?
Para que possamos compartilhar o seu compromisso, acesse a nossa página no Instagram e mostre o que você vai fazer para melhorar o SUS. Acesse o link instagram.com/orgulhosus

6. O que posso fazer?
Você escolhe o seu compromisso. Pode ser qualquer coisa que você quiser, desde que o objetivo seja melhorar o atendimento, a integração, perspectivas ou experiências para os pacientes ou funcionários. Veja como participar na página do Facebook, Twitter e Instagram. 

7. Que diferença vai fazer minha ação?
Sua ação é a sua chance de fazer uma melhoria positiva para o SUS. Cada compromisso, grande ou pequeno, vai fazer a diferença, além de ajudar a inspirar outras pessoas a se envolverem. Em conjunto, as ações ajudam a construir um SUS melhor. 

8. O que acontece no dia 21 de março? 
É o Dia do Orgulho SUS. Todas as unidades de saúde de Atenção Primária vão realizar ações para comemorar a data e incentivar profissionais de saúde, agentes comunitários e usuários a se engajarem no movimento.

9. Eu tenho que fazer meu compromisso no Dia do Orgulho SUS?
Seu compromisso pode ser realizado antes, durante ou depois do dia. Nós queremos ter certeza de que quem está planejando grandes ações tem tempo para ganhar apoio e colocá-los no lugar.

10. De quem é o Dia do Orgulho SUS?
Inspirado no movimento global e voluntário do #changeday, o Dia do Orgulho SUS é de todos os que desejam fazer uma mudança para melhorar o SUS. A iniciativa foi do Conselho Municipal de Saúde. 

11. Qual o motivo da escolha da data do dia 21.03?
Dia 21 de março foi escolhido para comemorar o Dia do Orgulho SUS por ter sido o dia do encerramento da 8ª Conferência Nacional de Saúde (21;03.1986), cujo relatório é o principal marco na construção do Sistema de Saúde Brasileiro o SUS. Saiba mais em http://conselho.saude.gov.br/biblioteca/relatorios/relatorio_8.pdf.

12. Onde e quando foi o inicio do movimento global?
Em 2012, o sistema de saúde da Inglaterra (NHS) sediou seu primeiro Dia de Mudança. Esta inovação baseada em mídia social foi um enorme sucesso, com centenas de funcionários do sistema Inglês, pacientes e voluntários apresentando 'promessas' para melhorar a assistência ao paciente dentro do serviço de saúde.

13. O que é um compromisso?
Se você é um membro da equipe em SUS e há algo que você sempre quis fazer, um processo que você queria mudar ou um projeto de melhoria de qualidade que você sempre quis realizar, mas não sabia como começar, o Dia do Orgulho SUS te dá a oportunidade de dar início. Você pode fazer compromissos individuais ou em grupo, comprometendo-se com outras pessoas em sua equipe multidisciplinar.

Se você não trabalha no SUS, mesmo assim pode se comprometer: a doar sangue, visitar um vizinho idoso uma vez por mês, zelar pelo cuidado com as crianças, por exemplo.

Todos somos usuários do SUS de alguma forma. Não seria ótimo se todos estivessem unidos para melhorar o sistema antes de precisar dele? Ajude a construir um SUS melhor.

14. Como posso prometer?
Simples! Tudo que você precisa fazer é entrar na rede social Instagram e "fazer um compromisso" com a hashtag #orgulhosus. 

15. O que acontece depois de eu fazer a minha promessa?
Isso é inteiramente com você! Você fez o seu compromisso público e, para cumprir, basta você querer! Você pode nos enviar fotos exercendo o seu compromisso por meio do Twitter, Instagram ou Facebook com a hashtag #orgulhosus e #changeday.

16. O que está acontecendo no dia?
Uma série de atividades estão acontecendo no dia. Você pode saber mais pelo Instagram @orgulhosus, pela página da Secretaria Municipal de Saúde no Facebook, ou pelo Twitter @Saude_Rio. 

17. Como posso me inspirar para este dia e conhecer as movimentos dos demais países?
Basta acessar os links abaixo. 
Dica: caso tenha dificuldade com o idioma, use a ferramenta de tradução do Google.

Movimento Global

Inglaterra

Austrália
http://changeday.com.au/#

Holanda

Canada

Irlanda do Norte

terça-feira, 10 de março de 2015

CIRCUITO RIO ECOSOL REALIZA EDIÇÃO ESPECIAL MULHER

O Circuito Rio Ecosol realiza a edição Especial Mulher esta semana no Largo do Machado. Nos dias 12, 13 e 14 de março, além dos artesanatos como: bolsas, bijuterias, acessórios, roupas e objetos de decoração, a feira vai contar com a parceria das Secretarias Municipais de Saúde e de Trabalho e Emprego, e da Rio Artes Manuais com oficinas de artesanato temática para Páscoa.

A Secretaria Municipal de Saúde estará presente nos dias 12 e 13, das 13 às 16 horas, e terá ações contra tabagismo e dengue, aulão de alongamento com o pessoal da Academia Carioca e avaliação da saúde bucal. Já a secretaria de Trabalho e Emprego estará concedendo encaminhamento para emprego, na sexta-feira, dia 13, na parte da tarde. E no sábado, dia 14, quem visitar o Circuito Rio Ecosol poderá participar de oficinas de artesanato ao ar livre com as professoras da Rio Artes Manuais/Caçula. Para o secretário de Desenvolvimento Econômico Solidário, Vinícius Assumpção, é gratificante ver o Circuito Rio Ecosol homenageando as mulheres. “Realizar um Circuito Rio Ecosol – Especial Mulher é sensacional, porque 90% desse universo de artesãos é composto por mulheres, e a maioria delas que sustentam suas famílias”, conta o secretário. 

O Circuito Rio Ecosol nasceu da parceria do Fórum Municipal de Economia Solidária com o Programa Polos do Rio e a Prefeitura do Rio, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Solidário (SEDES), em parceria com a Secretaria de Ordem Pública e a Subprefeitura. Toda essa mobilização só foi possível através do decreto nº 34.388 instituído pelo prefeito Eduardo Paes, que destina apoiar a comercialização de produtos artesanais confeccionados pela cadeia produtiva de economia solidária, o circuito promove eventos segundo os princípios norteadores do comércio justo. 

Nas feiras realizadas mensalmente em diferentes bairros da cidade podem ser encontrados produtos artesanais, trabalhos manuais e arte popular, todos produzidos por artesãos da economia solidária. Estes atuam de forma coletiva e se organizam em fóruns e redes locais, buscando viabilizar melhores condições de produção e comercialização. Os mais de 100 empreendimentos de economia solidária que participam do circuito têm como diferencial a sustentabilidade, gerando trabalho e renda, e inovando sobre materiais que seriam descartados. 

Serviço:
Circuito Rio Ecosol – Especial Mulher
Dias: 12, 13 e 14 de março de 2015
Hora: 9h às 19h
Local: Largo do Marchado


Descrição dos serviços:
Secretaria Municipal de Saúde
Dia 12 – 13 às 16 horas
- Saúde Bucal: Avaliação das condições da saúde bucal e higiene
- Tabagismo: Medição de monóxido de carbono no organismo do fumante; orientação sobre dependência física, psicológica e comportamental
- Dengue e chikungunya : ações educativas de prevenção à dengue e chikungunya
Dia 13 – 13 às 16 horas
- Academia Carioca da Saúde: alongamento com alunos e usuários local
- Saúde Bucal: Avaliação das condições da saúde bucal e higiene
- Tabagismo: Medição de monóxido de carbono no organismo do fumante; orientação sobre dependência física, psicológica e comportamental
- Dengue e chikungunya : ações educativas de prevenção à dengue e chikungunya

Secretaria Municipal de Trabalho e Emprego
Dia 13 – 13 às 16 horas
- Encaminhamento para emprego

Rio Artes Manuais – Caçula
Dia 14 
10 às 11h / 15 às 16h – Oficina de artesanato temática Páscoa

terça-feira, 3 de março de 2015

SMS promove mostra de capacitação para Saúde da Família

A Secretaria Municipal de Saúde realizará, no dia 20 de março, a 1ª Mostra de trabalhos do curso de aperfeiçoamento em apoio matricial na Atenção Básica com ênfase nos Núcleos de apoio da Saúde da Família 2015. O evento possui o objetivo de capacitar e aperfeiçoar as práticas do profissional do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), além de compartilhar experiências no município do Rio de Janeiro. As inscrições vão até dia 13 e podem ser feitas pelo formulá- rio disponível em: http://bit.ly/1AJykhz. O evento acontece no Auditório do Instituto Municipal Phillipe Pinel, na Avenida Venceslau Brás, 65, 3° andar, em Botafogo, das 9h30 às 17h. Podem participar profissionais do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) – equipes compostas por profissionais de diferentes áreas de conhecimento, que devem atuar de maneira integrada e apoiando os profissionais das Equipes de Atenção Básica. Criado com o objetivo de ampliar a abrangência e o escopo das ações da atenção básica, bem como sua resolutividade, o NASF deve buscar contribuir para o cuidado integral dos usuários do SUS, tanto em termos clínicos quanto sanitários e ambientais dentro dos territórios.

8ª edição do Curso SUPERA - "Sistema para Detecção do Uso Abusivo e Dependência de Substâncias Psicoativas: Encaminhamento, Intervenção Breve, Reinserção Social e Acompanhamento".

A Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (SENAD), em parceria com a Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), abriu inscrições para 15 mil vagas da 8ª edição do Curso SUPERA - "Sistema para Detecção do Uso Abusivo e Dependência de Substâncias Psicoativas:  Encaminhamento, Intervenção Breve, Reinserção Social e Acompanhamento".

O curso SUPERA, totalmente gratuito, é dirigido a profissionais das áreas da saúde e assistência social que trabalhem nas redes SUAS, SUS e também em comunidades terapêuticas. O curso visa capacitar estes profissionais discutindo diferentes modelos para a prevenção, intervenção e encaminhamento daqueles que apresentam problemas relacionados ao uso de álcool, crack e outras drogas,.

A capacitação é desenvolvida na modalidade de Educação a Distância (EaD), com carga horária de 150 horas e tem duração de três meses com início previsto para Maio de 2015. Os alunos que concluírem o curso receberão um certificado de extensão universitária emitido pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Os alunos receberão o material didático pelo correio no endereço cadastrado no ato da inscrição e terão acesso às novas tecnologias EAD, com acesso aos sistemas de troca de mensagens no portal específico do curso, acompanhamento por tutores especializados e telefonia gratuita para dúvidas e orientações.

O curso é parte integrante do eixo "prevenção" do programa "Crack, é possível vencer", que prevê, entre outras ações, a ampla capacitação de profissionais das áreas de saúde, assistência social, educação, justiça, segurança pública, conselheiros e lideranças comunitárias e religiosas.

Para se inscrever e acompanhar o curso é necessário possuir acesso à Internet e comprometer-se a participar do curso até sua conclusão, caso seja selecionado.




domingo, 1 de março de 2015

SMS abre inscrições para Residência em Medicina de Família

A SMS está com inscrições abertas para a Residência em Medicina de Família e Comunidade para o ano 2015. Serão oferecidas 20 vagas.

As inscrições acontecem até o dia 8. Poderão participar profissionais que tenham concluído o curso de graduação em medicina, cursado em instituições credenciadas pelo Ministério da Educação. A bolsa integral será de R$10 mil. 

O formulário de inscrição está disponível em http://concursos.rio.rj.gov.br/indexportal.htm No Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade, os processos formativos dos residentes acontecerão nas unidades de saúde do município com supervisão médica.

Os residentes receberão informações e orientações, inclusive treinamentos de habilidades específicas para pequenos procedimentos de urgência, emergência e parto. Além disso, o programa também oferece material didático, além de contar com bibliotecas e espaços para a elaboração e produção de pesquisas científicas.

Criado em 2011, o Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade da Secretaria Municipal de Saúde é o maior do Brasil nesta especialidade. A cada ano, são abertas 100 novas vagas, todas credenciadas pelo MEC. O programa conta também com colaboração internacional, enviando e recebendo intercambistas a países como Canadá, Letônia, Portugal e Espanha. 

Fonte: SMS RJ


sábado, 28 de fevereiro de 2015

SMS inicia nova campanha de vacinação contra o vírus HPV

A partir de hoje, dia 2 de março, meninas de 9 a 11 anos de idade poderão receber a primeira dose da vacina contra o HPV, usada na prevenção do câncer de colo do útero, nas unidades de Atenção Primária (clínicas da família e centros municipais de saúde). A meta da Secretaria Municipal de Saúde nesta nova Campanha de Vacinação contra o HPV é imunizar 80% da população alvo, o que corresponde a 106 mil meninas na faixa etária indicada.

Meninas de 11 a 13 anos de idade que não foram vacinadas em 2014 poderão receber a primeira ou segunda doses do imunizante, conforme caderneta ou comprovante de vacinação. Adolescentes e mulheres HIV positivas de 14 a 26 anos de idade também poderão ser vacinadas contra o HPV, mediante apresentação de declaração feita pelo seu médico.

A vacina aplicada será a quadrivalente, que previne contra quatro tipos de HPV (6, 11, 16 e 18).
Dois deles (16 e 18) respondem por 70% dos casos de câncer de colo de útero. O imunobiológico para prevenção da doença é seguro e tem eficácia comprovada para proteger mulheres que ainda não tiveram contato com o vírus. E é destinado exclusivamente à utilização preventiva, não tendo efeito demonstrado nas infecções pré-existentes.

O esquema vacinal adotado pelo Ministério da Saúde (MS) é o estendido, composto por três doses da mesma vacina quadrivalente, sendo a segunda seis meses depois da primeira e a terceira, de reforço, cinco anos após. Existem duas vacinas contra o HPV no mercado e as adolescentes que tenham começado o esquema com a bivalente devem terminá-lo com a mesma vacina, nos mesmos serviços onde iniciaram.

Conforme estratégia estabelecida pelo Programa Nacional de Imunizações, a primeira dose da vacina estará disponível nas unidades básicas de saúde e nas escolas públicas e privadas. A vacinação será realizada por equipes da Secretaria Municipal de Saúde, de acordo com planejamento conjunto com a Secretaria Municipal de Educação e as instituições de ensino.

Fonte: SMS RJ

SMS lança programa de pós graduação no ambiente hospitalar

No último sábado, dia 28, o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, participou da Aula Magna do Programa de Pós Graduação Hospitalar de Médicos no âmbito do SUS, lançada pela SMS em 2015, com o objetivo de qualificar todos os profissionais de saúde que atuam em unidades hospitalares, nos próprios locais de trabalho. Pela manhã, Soranz falou com profissionais de saúde e estudantes na UFRJ. À tarde, o lançamento aconteceu na Unirio.

O curso foi planejado ao longo de 2014 e será ministrado nas próprias unidades de saúde onde os alunos atuam como profissionais. Dessa forma, um total de 21 unidades de saúde receberão, em quatro fases distintas, 31 Cursos para Médicos e um Curso para Não Médicos. São cerca de mil vagas para alunos e preceptores, distribuídos em 40 turmas, com aproximadamente 900 médicos e 100 profissionais de outras categorias profissionais.

As aulas serão realizadas em parceria com universidades, de acordo com diretrizes do MEC. Serão montados Centros de Estudos nas unidades, que funcionarão das 7h às 20h, inclusive aos sábados e domingos. A presença física de alunos e preceptores será acompanhada por controle biométrico em tempo real e será monitorada em Painel de Acompanhamento Acadêmico da SMS-RJ. Mais informações pelo email coordenacaogeralposhospsusrio@gmail.com

Fonte: SMS RJ

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...